26 de agosto de 2017

Questões sobre pobreza e fome no mundo globalizado

1) Observe a tabela "Porcentagem de população em condições de pobreza (por região), e responda às questões.
a) Identifique as duas regiões mais pobres do mundo, respectivamente, conforme a tabela.
b) Consulte um atlas geográfico e indique dois países que pertencem às duas regiões mais pobres do planeta.
c) A erradicação da fome também é uma Meta do Desenvolvimento do Milênio. Elabore uma redação que aborde as causas e as consequências da fome no mundo.

2) Responda às questões sobre os principais indicativos socioeconômicos.
a) Diferencie PIB de PNB.
b) Qual é o indicador mais completo para analisar um país? Justifique.

3) Faça uma pesquisa em grupo sobre o seguinte tema: Combater a Aids é uma das Metas do Desenvolvimento do Milênio. Após a conclusão da pesquisa, o professor vai designar, por meio de sorteio, uma das questões a seguir a cada grupo, que deverá explica-la aos demais alunos.
a) Qual é a causa da Aids? Relacione a fome com o aumento do número de mortes causadas por essa doença.
b) De que maneira ela pode ser contraída? Analise como regras de higiene podem estar relacionadas ao aumento do número de casos de Aids.
c) Quais são as formas de prevenção contra a Aids?
d) Relacione o analfabetismo à Aids.
e) Por que é difícil encontrar o remédio para combater essa doença?
f) Qual é a diferença entre ser soropositivo e ter Aids?

Observações sobre o presente trabalho:

* Esse trabalho foi proposto e executado nas aulas de geografia dos 2ºs anos do ensino médio no mês de agosto de 2017 como parte do conteúdo de "A regionalização do espaço geográfico mundial". 
* Foram identificados e analisados os indicadores socioeconômicos  utilizados para analisar o nível de desenvolvimento dos países do mundo.
* As disciplinas envolvidas nessa atividade foram: geografia, língua portuguesa e biologia.
* A Declaração do Milênio foi proposta para ir do ano 2000 até 2015, no entanto as metas não foram cumpridas até o final de 2015.

Fonte: ALMEIDA, Lúcia Marina Alves de; RIGOLIN, Tércio Barbosa. Fronteiras da globalização. São Paulo: Ática, 2013.

Respostas
1. a) Conforme a tabela, as duas regiões mais pobres do mundo são a África subsaariana e o Sul da Ásia.
b) A resposta é pessoal. Da África subsaariana, dos países que enfrentam a pobreza pode-se citar o Sudão do Sul, a Nigéria, a Somália,Burundi, o Zimbabue, entre outros. Do Sul da Ásia, pode-se citar Nepal, Bangladesh, Paquistão, Sri Lanka, ilhas Maldivas, entre outros.
c)
As causas da fome podem estar relacionadas a fatores como:
* pobreza;
* questões naturais como: clima, terremotos, secas, epidemias;
* má administração dos recursos naturais;
* conflitos políticos e civis;
* políticas econômicas mal planejadas;
* superpopulação;
* guerras;
* desigualdades sociais.
Consequências da fome:
* desnutrição, devido a falta de nutrientes, proteínas e calorias;
* raquitismo, devido à carência de vitamina D;
* anemia, provocada pela ausência de ferro;
* vários distúrbios e doenças causadas pela falta de vitamina A e do complexo B.
Todas essas carências sentidas pelo organismo afetam o corpo humano, contribuindo para diminuir o sistema imunológico responsável pelo combate de várias doenças no organismo, deixando a pessoa exposta a contrair várias doenças.
A consequência da fome é a morte.
Nos países pobres, os óbitos das crianças não apontam a fome ou a subnutrição como causa das mortes. Figuram como causas a pneumonia, a desidratação, a tuberculose, o sarampo, etc. No entanto, são consequências de um organismo debilitado ou sem resistência em decorrência da desnutrição ou fome.
(Fonte: Infoescola.com, Cola da Web)
2. a) Produto Interno Bruto (PIB) é a soma de bens e serviços produzidos por um país durante um ano, sem considerar as rendas enviadas ao exterior ou recebidas do estrangeiro. O Produto Nacional Bruto (PNB) é a soma de bens e serviços produzidos por um país durante um ano, acrescentando capitais nacionais que estejam fora do país ou descontando capitais nacionais estrangeiros que se encontram na nação.
b) É o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), porque considera aspectos que permitem uma análise mais completa da verdadeira situação socioeconômica do país, abrangendo dados sobre saúde, educação e renda.
3. a) A Aids (sigla em inglês para Síndrome da Imunodeficiência Adquirida) é causada pelo vírus da Imunodeficiência Humana (também conhecido como HIV). A falta de alimentação compromete o sistema de defesa do organismo contra as infecções; num indivíduo soropositivo a subnutrição pode levá-lo ainda mais rapidamente à morte.
b) O contágio ocorre principalmente por meio das relações sexuais e do contato direto com o sangue infectado (transfusão, uso de agulha ou seringa não descartável, acidentes durante o atendimento médico sanitário e transmissão de mãe para filho. As condições de vida precárias, como a ausência de saneamento básico e a falta de orientação sobre medidas de prevenção a doenças, fazem com que as pessoas fiquem mais expostas aos riscos de contaminação.
c) É importante procurar informações constantemente sobre o assunto e passar a informação recebida a outras pessoas; agir sempre com segurança; usar preservativo; usar agulhas e seringas descartáveis.
d) Uma pessoa que nunca frequentou a escola (ou que frequentou pouco) pode não ter condições de obter informação por meios próprios. Na comparação com indivíduos que tiverem acesso à educação, o analfabeto reduz suas chances de obter boa qualificação profissional e, consequentemente, salário digno e acesso à informação. A falta de informação pode ser um agravante na incidência da Aids.
e) O HIV, agente causador da Aids, tem grande capacidade de modificação ou de adaptação, o que torna difícil o desenvolvimento de um remédio ou vacina que realmente possa levar à cura.
f) Ser soropositivo significa que o indivíduo apresenta HIV em seu sangue. Quando se afirma que uma pessoa tem Aids significa dizer que ela sofre os efeitos desse vírus no organismo.
(Fonte: ALMEIDA, Lúcia Marina Alves de; RIGOLIN, Tércio Barbosa. Fronteiras da globalização.)


Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...