22 de fevereiro de 2017

Questões sobre introdução ao conhecimento geográfico

01.(UFPE) “O tratamento dos aspectos físicos do planeta ou, como querem alguns, do quadro natural, não faz da geografia e nem da geografia física uma ciência natural, biológica ou da terra; ela é, acima de tudo, uma ciência do espaço e é aí que encontramos sua característica fundamental. Enquanto divisão geral das ciências, ela se encontra indubitavelmente entre as ciências humanas e é ali o seu lugar correto, haja vista possuir como objetivo primeiro o estudo do jogo de influências entre sociedade e natureza na organização do espaço.”   (MENDONÇA, Francisco. Geografia Física: Ciência Humana? Ed. Contexto, 1989)

Após a leitura do texto, pode-se afirmar que o autor:

a) considera que a Geografia, por ser uma ciência do espaço, não mantém relações com as ciências naturais, que se dedicam ao estudo da estruturação natural das paisagens.
b) defende que a Geografia é uma ciência humana, mas, mesmo assim, não pode ser considerada uma ciência social porque também estuda a estruturação do quadro natural.
c) só considera como análise geográfica a interpretação das interferências do quadro natural sobre a produção do espaço geográfico.
d) defende que o objetivo central da ciência geográfica é a análise da produção do espaço a partir das relações entre a sociedade e o meio natural.
e) concorda com o fato de que a Geografia é apenas uma disciplina e não uma ciência natural, biológica ou da Terra.

02. (UFPE) Vamos supor que um determinado pesquisador escreveu o seguinte texto sobre a Amazônia brasileira.

“A Amazônia brasileira, uma das principais regiões do País, está fadada ao subdesenvolvimento. O distanciamento físico entre ela e as demais regiões e as condições naturais extremamente adversas impedem ou dificultam consideravelmente qualquer tentativa governamental de promover o crescimento econômico regional. É praticamente impossível pensar em desenvolvimento num espaço geográfico caracterizado por um clima com elevadas temperaturas médias mensais, uma umidade relativa do ar excessiva e solos bastante lixiviados.”

Esse pesquisador está defendendo ideias que podem ser consideradas como nitidamente:

a) marxistas.
b) possibilistas.
c) neo-liberais.
d) neo-malthusianas.
e) deterministas.

03. (UFPE) “Os fatos da realidade geográfica estão intimamente ligados entre si e devem ser estudados em suas múltiplas relações. Não basta estudar isoladamente os diversos fenômenos que compõem a realidade; eles estão ligados uns aos outros.” Este é o princípio geográfico conhecido como:

a) Princípio de Conexão.
b) Princípio do Atualismo.
c) Princípio de Atividade.
d) Princípio do Criticismo.
e) Princípio da Complexidade Crescente

04. (UFPE) “Este princípio, enunciado por Jean Brunhes, chamava atenção para o fato de que os fatores físicos e humanos, ao elaborarem as paisagens, não agiram separada e independentemente, havendo uma interpenetração na ação dos vários fatores físicos entre si, e ainda dos dois grandes grupos de fatores. Na elaboração das paisagens, nenhum dos fatores físicos ou humanos age isoladamente; a ação é sempre feita de forma integrada com outros fatores.” (Manuel Correia de Andrade, Geografia Econômica)

O princípio da Geografia a que o autor faz referência é o:

a) Princípio da Extensão.
b) Princípio da Conexão.
c) Princípio da Analogia.
d) Princípio das Causas Atuais.
e) Princípio da Uniformidade dos Fatos Geográficos.

05. (COVEST) A aplicação do método geográfico com seus princípios é feita por Josué de Castro em seu livro Geografia da Fome, quando o autor identifica, no Brasil, a presença de 05 áreas alimentares: a Amazônica, o Nordeste Açucareiro, o Sertão Nordestino, o Centro-Oeste e o Extremo Sul, constatando a presença, nessas áreas, de fome endêmica, de epidemias de fome e de subnutrição. Analise as proposições abaixo, que dizem respeito à aplicação desses princípios do método geográfico feita pelo autor.

0-0) Quando localiza e mapeia as regiões alimentares, estabelecendo os seus limites, Josué está desenvolvendo o princípio da Extensão, formulado por  Frederico Ratzel.
1-1) Ao analisar as razões que levam à fome na área Amazônica,  estabelecendo relações de causa e efeito, Josué aplicou o princípio da Casualidade.
2-2) Ao comparar a fome endêmica presente na área Amazônica e no Nordeste Açucareiro com a fome existente no Sertão Nordestino, identificando semelhanças e diferenças, o autor está desenvolvendo o princípio da Analogia ou      da Geografia Geral, enunciado por Karl Ritter.
3-3) A conexidade está presente em seu livro, quando identifica a interligação e a interpenetração existentes na ação dos vários fatores físicos e humanos entre si.
4-4) O princípio da atividade é desenvolvido por Josué quando ele menciona os diferentes tipos de atividades econômicas que são desenvolvidas pelas populações das regiões por ele tratadas.
VFVVF 

06. (UPE)
“Esse autor, porém, traria a grande contribuição para a formulação esquemática do conhecimento geográfico, com seu livro Antropogeografia e com a propagação das ideias deterministas, que consideravam a existência de uma grande influência do meio natural sobre o homem. De formação antropológica, ele foi bastante influenciado pelas ideias evolucionistas de Charles Darwin e Ernest Haeckel, admitindo que, na luta pela vida, venceriam sempre os mais fortes e que a vitória dos mais fortes, dos mais aptos sobre os mais fracos era o resultado lógico da luta pela vida”
(ANDRADE, Manuel Correia de. Geografia Econômica. São Paulo: Ed. Atlas, 1987).

O texto está se referindo ao seguinte pensador da Geografia

A) Frederich Engels.
B) Pierre George.
C) André Cholley.
D) Alexander Von Humboldt.
E) Frederico Ratzel.

07. (UPE) Considere o texto a seguir:

“Da passagem do século até os anos da Segunda Guerra Mundial, a Geografia viveu um período de grande florescimento cultural que podemos caracterizar como da “Geografia Clássica”, em que pontificaram os grandes chefes de escola. O seu início foi marcado pelos debates que resultaram na total refutação do determinismo geográfico”. (BERNARDES, Nilo. Geografia e Desenvolvimento)

O que significa “determinismo geográfico”?

A) Trata-se de um princípio geográfico que leva em consideração apenas a ação do homem sobre o meio natural.
B) Trata-se de uma escola geográfica que defende a ideia de que o crescimento da população deve ser controlado pelo Estado.
C) Trata-se de uma corrente da Geografia que considera as condições naturais como determinantes do desenvolvimento ou não do espaço geográfico.
D) Trata-se de um princípio da chamada Geografia Marxista que vê na natureza a causa principal do desenvolvimento econômico do espaço geográfico.
E) Trata-se de uma tendência da Geografia que considera que a sociedade pode vencer as adversidades naturais.

08. (UFPE) A Geografia, como ciência, possui um método próprio de análise, o chamado método geográfico, que se baseia em cinco princípios. Com relação a esses princípios, analise as proposições abaixo.

0-0) O princípio da Extensão foi enunciado por Frederico Ratzel e, de acordo com o mesmo, o geógrafo, ao estudar uma determinada área, deve, primeiramente, utilizando-se de um mapa, localizá-la, identificando os seus limites.
1-1) A Analogia foi o princípio enunciado por Vidal de la Blache.
2-2) Na causalidade, o geógrafo, ao observar um fato, deve identificar as causas que levam à sua existência, procurando estabelecer as relações de causa e efeito.
3-3) Na Conexidade, o estudioso de Geografia verifica que os fatores físicos e humanos não agem de forma isolada na formação de uma paisagem, existindo, pois, uma inter-relação entre eles. Estes fatores agem de maneira integrada.
4-4) Jean Brunhes formulou o princípio da Atividade, no qual assinala que a paisagem não é estática mas está em constante transformação e é, portanto, dinâmica.
VVVVV

09. (UVA)"Nos últimos anos, a ciência geográfica tem passado por grandes mudanças conceituais e metodológicas. Esse processo evolutivo, hoje, já nos fornece a ideia de que a Geografia, busca a partir das relações entre os homens e destes com a natureza no decorrer dos tempos, a explicação da organização do espaço."

Com relação a introdução à Geografia, seus métodos, concepções, princípios e evolução, analise as frases abaixo e coloque V nas verdadeiras e F nas falsas
(  ) O espaço geográfico nada mais é do que a paisagem em sua totalidade – a configuração territorial acrescida a sociedade.
(  ) . O princípio da causalidade é a própria lei de causa e efeito, característica de todas as ciências. O princípio da causalidade foi defendido, em Geografia, por Humboldt.
(  ) Friedrick Ratzel, defendeu o possibilismo geográfico.
(  ) O determinismo é um princípio radical e fatalista, empregado eventualmente em algumas situações, porém, não sempre e nem em todas.
(  )  Estudar geograficamente o mundo é essencialmente investigar a dinâmica social que está por trás das paisagens ou formas espaciais.

A sequência, de cima para baixo, é:

a)  F, V, V, V, V
b)  V, F, F, V, F
c)  V , V, F, V, V
d)  F, F, V, F, F

10. (UVA/RJ) Sobre a Geografia, seus métodos, seus procedimentos, suas abordagens não é verdadeiro afirmar que:

a) A Geografia Tradicional tem por base metodológica a teoria marxista.
b) O espaço geográfico é fruto da dinâmica social (relação homem, natureza e trabalho) que se diferencia de acordo com a formação historia, no espaço e no tempo.
c) A Geografia ao longo de sua trajetória tem vivenciado avanços e recuos. Hoje, pode-se dizer que a Geografia apresenta grandes avanços metodológicos permitindo compreender a dinâmica e as contradições sociais do espaço geográfico.
d) A sala onde você esta fazendo esta prova para concorrer a uma vaga do vestibular, contem natureza transformada pelo trabalho social. Olhe para as paredes, carteiras e demais objetos ao seu redor e percebera isto. Quase tudo que nos cerca é o resultado do trabalho social sobre a natureza, inclusive o espaço geográfico, objeto de estudo da Geografia.

11. (UVA) "A geografia conheceu, num passado recente, um movimento vigoroso de renovação teórica, que exercitou com radicalidade a crítica às perspectivas tradicionais e introduziu novas orientações metodológicas no horizonte de investigação dessa ciência."

Analise as alternativas abaixo que tratam das concepções, escolas e evolução da Geografia.

I. Sendo a Geografia uma ciência de transformação e elaboração do espaço, a mesma faz uma interconexão entre o espaço da produção, circulação e ideias no decorrer do tempo histórico.
II. A principal mudança no ensino da geografia é a passagem, que ainda ocorre, de uma geografia tradicional e descritiva voltada para a memorização, para uma geografia crítica preocupada com o raciocínio e o espírito crítico do aluno.
III. O principal livro de Friedrich Ratzel, denomina-se Antropogeografia – fundamentos da aplicação da Geografia à História; pode-se dizer que esta obra funda a Geografia Humana. Nela, Ratzel definiu o objeto geográfico como o estudo da influência que as condições naturais exercem sobre a humanidade.
IV. Vidal de La Blache criou uma doutrina, o Possibilismo, e fundou a escola francesa de Geografia. E, mais, trouxe para a França o eixo da discussão geográfica, situação que se manteve durante todo o primeiro quartel do século XX.

Estão corretos:

A. somente o item IV
B. somente os itens I e III
C. todos os itens
D. somente os itens II e IV

12. (UVA) Numa alusão aos princípios metodológicos da Geografia, podemos afirmar que o princípio em que o geógrafo compara as características da área estudada com a de outras regiões da Terra, estabelecendo as semelhanças e as diferenças é o:

(A) princípio da analogia, formulado por Karl Ritter e Vidal de la Blache.
(B) princípio da extensão, formulado por Frederico Ratzel.
(C) princípio da atividade, formulado por Jean Brunhes.
(D) princípio da causalidade, formulado por Alexandre de Humboldt.

13. (UVA)  A Geografia chamada Antiga, ou Nomenclatura, ou dos Viajantes, existiu até o século XVIII, mas não era uma ciência. Foi no século XIX, que graças às contribuições das escolas geográficas da Alemanha e da França, que a Geografia tornou-se uma ciência. Analise as afirmativas que tratam sobre os princípios e as escolas geográficas e coloque V nas frases verdadeiras e F nas frases falsas.

( ) Segundo o princípio da causalidade, o geógrafo só realiza a Geografia plenamente como ciência quando demonstra, comprove e explica o fenômeno estudado, evidenciando suas causas e consequências .
( ) Fazer analogia, em Geografia, é generalizar conclusões tirando as leis da Geografia Geral, é comparar acidentes ou fenômenos geográficos e também classificar grandezas dos acidentes ou fenômenos comparados.
( ) Frederico Ratzel admitiu o determinismo geográfico no relacionamento do meio com o homem, como se o meio fosse a causa e o homem a consequência. Para Ratzel, o homem é um produto do meio em que vive, subordinado, condicionado e fatalizado pelos imperativos fatores do meio natural.
( ) Paul Vidal de La Blache, defensor do princípio de extensão e do determinismo geográfico, é considerado o Pai da Antropogeografia.

A sequência correta, de cima para baixo, é:

A. V, V, F, F
B. V, V, V, F
C. F, V, F, V
D. F, F, V, V

14. (UVA)   “Apesar de o homem receber influências do meio onde vive, ele é capaz de modificá-lo e adaptá-lo às sua necessidades”.

Esta afirmação está de acordo com a teoria:

(A) determinista.
(B) possibilista.
(C) malthusiana.
(D) mais-valia.

Fonte: Conhecimento Geográphico, Geografalando, Rede Educacional.


Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...